Início Dicas para Emagrecer Suplementos para Emagrecer – Os 5 Mais Conhecidos

Suplementos para Emagrecer – Os 5 Mais Conhecidos

156
0
COMPARTILHE

Não é nenhum segredo que o sonho de todos é achar uma simples pílula que nos faça emagrecer de forma rápida. As pessoas procuraram por uma pílula mágica, mas ela simplesmente não existe. Devido a gama de produtos no mercado que prometem verdadeiros milagres, muitos deles prometem resultados irreais ou mesmo prejudiciais à saúde. Felizmente, para nos aliar na alimentação saudável e na prática de exercícios existem os suplementos para emagrecer.

No entanto, o uso desses suplementos para emagrecer deve ser feito de forma consciente e, por isso, é importante conhecer quais os tipos que existem no mercado e a função de cada um para escolher o que melhor se adapta ao seu organismo e necessidade.

Tipos de Suplementos para Emagrecer

1. Gorduras Saudáveis:

Elementos como CLA (ácido linoleico conjugado) ou ômega-3 (encontrado no peixe) são gorduras que auxiliam na queima de gordura e podem ser utilizados como suplementos para emagrecer rapidamente. Eles auxiliam principalmente na perda de gordura na região abdominal.

O hormônio leptina é estimulado pelo ômega-3, o que contribui para a aceleração do metabolismo e diminuição do apetite. O ômega-3 também auxilia na prevenção de um acidente vascular cerebral ou infarto. Você pode optar por esses suplementos em for de cápsulas, mas a ingestão de peixe e castanhas também contém as medidas necessárias para o auxílio na perda de peso.

2. Substitutos de Refeições:

Os suplementos para emagrecer mais vendidos no mundo são os que substituem as refeições e entram na mesma categoria os shakes de proteína e barrinhas proteicas.

Esse artifício é muito utilizado para suprir a necessidade de proteína que o indivíduo não consegue inserir na sua dieta. Alguns dos substitutos de refeição contém CLA para auxiliar na queima das gorduras, e podem ser úteis para pessoas que tem um dia a dia muito ocupado para comer com tranquilidade. Pelo menos é menos agressivo ao corpo do que muitos alimentos fast food. Barrinhas proteicas são muito práticas e uma alternativa mais saudável para levar consigo, mesmo não sendo o mais ideal.

Caso você faça a opção desses suplementos para emagrecer, consulte o valor calórico e quantidade de carboidratos do produto, pois grande parte deles já contém a quantidade de calorias que suprem sua necessidade diária.

3. Termogênicos:

Os termogênicos, também conhecidos como queimadores de gordura, aceleram o metabolismo, elevando a temperatura corporal e aumentando o gasto calórico durante os exercícios físicos. Por isso o melhor horário para o consumo desses suplementos seria pela manhã. Ou mesmo antes de um treino de alta intensidade para que ele auxilie na queima de gordura. Não é indicado seu uso durante a noite.

Os termogênicos suprimem o apetite, dando uma sensação de menor necessidade de alimentos, levando ao emagrecimento. Esses suplementos, em sua maioria, contém cafeína, que é ótimo um estimulante. Se você consumir o termogênico em grande quantidade provavelmente vai sentir um grande desconforto. Entre eles está a aceleração de batimentos cardíacos e uma possível insônia. Por isso é importante ler sempre as instruções do produto e não tome além da dose diária indicada.

4. Supressores de apetite:

Os supressores de apetite são cada dia mais populares devido os altos índices de obesidade na sociedade. Pessoas com distúrbios alimentares veem nesse suplemento uma salvação para
seu problema de peso. Os mais conhecidos são as sibutraminas, anfepramona e liraglutida.

É possível perder peso sem fazer exercícios. Porém, nesse caso é comum a perda de massa muscular devido a não ingestão de proteínas. Esse tipo de artifício só pode ser utilizado com acompanhamento médico e se prescrito pelo próprio.

5. Limpadores de Intestino:

Ainda há um grande e crescente número de pessoas que fazem uso dos produtos “purgadores” como meio de emagrecimento rápido. De todos os tipo de suplementos para emagrecer que falamos aqui esse não é indicado de maneira alguma. Esse artifício dá uma falsa sensação de perda de peso, mas na verdade é altamente prejudicial à saúde.

Algumas pessoas que utilizam costumam dizer que perdem peso e reduzem o inchaço abdominal após seu uso. Na verdade o organismo está perdendo grande quantidade de nutrientes e de líquido. Mesmo que haja uma sensação de emagrecimento isso não deve ser levado em conta, pois se dá devido à baixa absorção de proteínas e ao início da fase de desnutrição. Existe uma falsa sensação de eliminação de gordura nesse processo. Ao invés optar por essa maneira de perder peso, o mais indicado é que se tenha um intestino saudável, com a ingestão de muita água e fibras por meio de frutas, verduras e cereais.